Blog TV Blogueiro

Acesse o Blog TV Blogueiro e leia opiniões sobre o Avaí e o futebol catarinense.

PARCEIRO DO CLUBE

PARCEIRO DO CLUBE
PARCEIRO DO CLUBE É PARCEIRO DO BLOG

domingo, 21 de abril de 2013

MEU ÚLTIMO JOGO NA RESSACADA...

...até que eu decida voltar ou essa administração tenha mais respeito pelo torcedor.

Há muito tempo venho afirmando que o que me segurava indo a campo era o encontro de cada partida com amigos e a paixão pelo futebol e pelo Avaí. Quem acompanha o blog, sabe da minha indignação com o mau atendimento prestado pelo clube ao torcedor, como nessa postagem (clique aqui) onde dou um bom exemplo de como somos importantes ao clube.

O QUE ACONTECEU HOJE...NOVAMENTE!!

Mais uma vez, como costumo chegar cedo em dia de jogo, passei na bilheteria pra comprar o ingresso do meu filho de 9 anos, só pra começar, demorou mais de 10 minutos pra imprimir 2 ingressos de menor sem ter mais ninguém nas bilheterias. Isso vem ocorrendo com muita frequência nas bilheterias da Ressacada.
Mas isso não é quase nada, e nem o motivo principal da minha indignação.

O FATO

No intervalo da partida de ontem, meu filho e seu amiguinho, que ia pela primeira vez na Ressacada, foram do camarote, onde estávamos, ao setor D comprar pipoca, pois nos camarotes não tem nenhum vendedor de pipoca. Eis que já na saída, o segurança, informado pelo meu filho que só iria comprar pipoca e voltava, avisou que ele não poderia retornar com saco de pipoca. Meu filho voltou ao camarote e me falou. Logo, sabendo que não podem fazer isso, fui lá ver se isso era verdade e o segurança, além de muito mal educado, falou o seguinte:

"VOCÊS TEM QUE USAR O SERVIÇO DE BAR DO CAMAROTE, NÃO PODEM TRAZER NADA DE BAIXO PRA CIMA".

Falei pra ele que isso era um absurdo, pois eu estava consumindo produto de vendedor licenciado da Ressacada e não trazia nada de fora. Ele afirmou que era ordem do clube, que não podia fazer nada. Logo pedi pra chamar algum diretor pra confirmar essa ordem. Ele chamou um funcionário chamado Róbson, que confirmou a informação.

Eu e mais uns 10 torcedores, entre adultos e crianças COMENDO PIPOCA, fomos barrados na porta do camarote e não poderíamos entrar enquanto não consumir a pipoca ou outra coisa comprada no setor D.

MEU QUESTIONAMENTO

Essa ordem vem realmente da diretoria do Avaí, ou é um "pedido" dos DONOS DOS BARES*, que querem forçar o consumo do que é vendido ali? Pombas, se querem que os torcedores do camarote comprem coisas no próprio setor, que ofereçam opções e atrativos pra que consumam produtos vendidos ali então!!!

* EM BREVE VOU LEVANTAR UM ASSUNTO SOBRE QUEM SÃO OS DONOS DOS BARES E BARRACAS DENTRO E FORA DA RESSACADA.

Voltando ao ocorrido. pra deixar bem claro, os bares do camarote só vendem salgadinhos fritos, pela bagatela de R$25,00 uma bandeja com "meia duzia " de salgados pequenos tipo de aniversário.
Mesmo sim, nos forçam a consumir uma coisa que não queremos, às vezes até não podemos, pois nem todos comem esses salgados ou frituras. Simplesmente proíbem a entrada com outros produtos comprados dentro do próprio estádio, comprados com os vendedores licenciados pelo clube.

CANSEI...

Hoje, faço essa postagem pra dizer que não irei mais a jogos do Avaí na Ressacada enquanto algo não for feito nada pra atender bem o torcedor ou até que essa diretoria e gerentes saiam do clube e entregue nas mãos de quem quer prestar um bom serviço ao torcedor.
Quem me conhece sabe de como vivo o Avaí diariamente, torcendo, tentando ajudar, mesmo que criticando. Acompanho o Avaí desde pequeno e dos tempos do Adolfo Konder, onde via os jogos com meu pai. E hoje, com esposa e filho volto a afirmar:

CHEGA DE RESSACADA...

Até quando?? Não sei... mas é certo que não piso mais na Ressacada em dia de jogos do Avaí enquanto o torcedor do Avaí ficar sempre em segundo plano.


Abraço a todos, nos vemos por aí!!!!

FORA INCOMPETENTES!!! 





5 Comentários:

Carmen Fuhrmann disse...

Muito bom que você diga mesmo QUEM SÃO OS DONOS DOS BARES na Ressacada... Vamos ver se alguém poderá fazer alguma defesa.

É uma pena Rafael que te afastes do clube por causa do que acontece conosco torcedor - diariamente, mas também entendo a tua indignação. Por outro lado penso que não é justo que deixemos o clube a deriva, na mãos de quem com certeza não querem o bem do Avaí.

Abs

guilherme disse...

Também já passei por esse absurdo. o camarote do Avaí é uma bagunça, a gota d'agua para mim lá em cima foi ter que ouvir um monte de m... do amarote da CBN, cheio de alvirosas no clássico do ano passado (3X0), inclusive tendo que agur]entar a prepotencia de um FDP rosado fun cionário desta rádio. Deixei de renovar o camarote e me associei no setor D.

Marcelo Cardoso disse...

Rafael, sou solidário contigo, pois deixei de ser sócio por ter sido destratado, junto com meu filho de 10 anos, por funcionário do Avaí.

Quando é só conosco, a gente discute, manda pra puta que pariu e faz confusão. Mas com crianças que estão APRENDENDO a gostar de futebol e do clube, preferimos abandonar o barco. Te entendo perfeitamente.

Uma pena que tenha tanta gente despreparada. Curiosamente, estava pensando em voltar depois do catarinense, mas com esse teu relato já começo a pensar se vale a pena...

Abraço!

Thiago T. Laurentino disse...

Fala Botelho!!
Como sabes trabalho em um dos bares na Ressacada, e nós temos uma peleia diferente da sua.
Trabalhamos com ambulantes, estes vendem apenas bebidas, assim liberando os outros ambulantes, de qualquer setor a entrar no setor D onde temos o bar.
Eis que: o bar que fica para atender a torcida adversária, e tão somente para tal, também tem ambulantes que vendem bebidas, só que em jogos onde a torcida visitante é mínima, estes ambulantes, passam para o nosso setor tirando os nossos clientes. E o problema é o seguinte, pagamos pro Avaí o espaço e pels ambulantes, e quando vamos questionar, o que é de direito nosso, nada é feito.
Além do que, muitos seguranças, abrem os portões, para os ambulantes, em troca de produtos.
Tenho certeza de que se você, no episódio da pipoca, tivesse oferecido algum produto a este segurança, sua passagem seria liberada.
Outra coisa que estamos a muito tempo brigando na Ressacada, é o pessoal que pula os muros e caem dentro do banheiro masculino ao lado do nosso bar.
Já avisamos a Polícia e a diretoria do Avaí. A resposta que temos da polícia é que o clube, não quer e não pode disponibilizar mais seguranças, e a polícia não pode fazer nada.
Essas realmente são realidades do clube no qual ajudamos com nossos recursos, com nossas vozes, e recebemos o que em troca? Um grande descaso.

Renato disse...


Rafael estou solidario com vc ,e simplesmente quebrei minha carteira,bem radical.Fazer isto com vc e teu filho deu p\bola.Ha acho que tenho que dar baixa na carteira senão vou parar no Spc,Serasa,Abraços estou com vc.

  ©Template by Dicas Blogger.

TOPO